sábado, 22 de janeiro de 2011

[in]seguro


Estou inseguro, arrependido, amedrontado, todas as minhas atitudes são deploradas por mim mesmo. Não consigo olhar no espelho sem me julgar, censurar. Não sei a que ponto isso vai, sei quando começou, e porque começou. Se a minha insegurança não falasse mais alto em todas as minhas atitudes, talvez, eu seria mais feliz. Não que uma pessoa totalmente segura de si seja feliz, talvez a auto-super-segurança traga arrogância, não seria feliz assim. Um dia isso acaba, o sol volta a brilhar e serei julgado e castigado pelas pessoas que mais amo. Só queria que isso acabasse num piscar de olhos. Mas como isso é impossível, tenho que encarar os fatos, mesmo não estando preparado pra isso, afinal, a vida nos coloca em situações pra nos preparar para o futuro. No meu caso, inseguro. 

Fiquem com Deus.

Marcelo Soares, @EuTedio.

10 comentários:

  1. A insegurança é algo tão comum. Não sei se existe um método rápido e simples de resolvê-la, acho que com o tempo aprendemos a controlá-la pelo menos. Grande beijo.

    ResponderExcluir
  2. Eu tô aprendendo a lidar com isso. Também me sentia inseguro, muito mais que agora. E acho que ainda me sinto um pouco. Mas só enfrentando ela que vou adquirindo confiança. Espero estar conseguindo...

    ResponderExcluir
  3. Olá, Parabéns você acaba de receber dois selos em meu blog http://laaaylinha.blogspot.com
    Beijos *--*

    ResponderExcluir
  4. "sei quando começou, e porque começou." Então acaba com o que está de deixando assim. Talvez não seja tão simples, mas é a solução. ;D

    "dia isso acaba, o sol volta a brilhar e serei julgado e castigado pelas pessoas que mais amo." Quem verdadeiramente ama, não julga a pessoa amada. Ao contrário, vai tentar de tudo para ajudar.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. O primeiro passo é você parar de julgar e aceitar.A partir do momento que aceitamos nossos gostos, estados,momentos,erros, acertos, passamos a apertar a tecla F...-se para o restante do mundo, inclusive para nós mesmos.
    Insegurança é algo super normal e devemos sim enfrenta-la de frente. Fácil?? Não é mesmo!! Mas conquiste a segurança com doses homeopáticas.
    Além disso, todos nós mortais temos nossas fraquezas, inseguranças, arrependimentos, medos... A diferença é que alguns tem a coragem de expor e outros mais uma vez se escondem atrás dos seus proprios medos.
    Meu queridooo, se em algum momento eu puder ajudar, tô aqui...É só bater!!

    Bjãooo e boraaaaaaa

    ResponderExcluir
  6. Inseguro. Eu tbm sou insegura, em tudo...

    Gostei muito do texto.
    Até;}

    ResponderExcluir
  7. Espero que você não seja impulsivo e inconsequente, porque quando isso se mistura com insegurança, ficamos LOUCOS, meio que divididos e perdidos em nós mesmo. É muito tenso.

    ResponderExcluir
  8. Se aceite do jeito que você é, porque se você não se aceita, ninguém irá aceitar por você.
    Gostei muito do texto.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Aceita o desafio. Aceita a prova. Se deixa levar e segue em frente. Administra seus sentimentos sem se prender. Ergue a cabeça e tenha fé em si mesmo. Acredita em vc, que você é mais que isso, e que você pode passar por isso. Não precisa destruir o medo ou a razão. Mas não se entrega. Aceita a prova.

    ResponderExcluir
  10. Cara! Gosto do ritmo que você usa para escrever! Isso é muito bom. E, do texto em si, eu passo por isso quase todos os dias, será que é uma fase ruim? Essa insegurança toda... até naquilo que escrevo. Medo de não atingir os objetivos de vida. Enfim... parabéns pelo teu espaço.

    ResponderExcluir