quarta-feira, 25 de maio de 2011

Du[vidas]

Imagem do tumblr

**********

Ando um pouco aqui, ou pouco ali. Ando nas linhas tortas tentando endireita-las. Ando nas linhas retas tentando desindireita-las. Tudo que é muito bom, ou muito ruim, é chato, cai na rotina. A gente não tira experiências disso. A gente apenas reclama do ruim e fica acomodado no bom. O importante disso tudo é eu estar andando. Por mais que demore, a cada segundo que passa o objetivo fica mais perto. Tenho seis meses para tomar uma decisão importante. Tenho seis meses para trocar ideias comigo mesmo. Colocar os pontos positivos e negativos, as vantagens e as desvantagens. Creio plenamente que pontos negativos possam ter vantagens, e vice-versa. Tenho seis meses, meio ano. Seis meses para decidir sobre onde farei meu estágio final na faculdade e mandar currículos. Fechar esse ciclo da minha vida. Cada ciclo que se fecha, a responsabilidade aumenta e a cobrança chega. Cobranças são importantes, mas a gente nunca gosta de senti-las.

Sou indeciso, mas chega uma fase na nossa vida que a gente tem que esquecer a indecisão e tomar as rédeas da situação, sermos fortes. Sou fraco, mas nossas maiores fraquezas, um dia, se transformarão em nossas maiores forças, esse momento, para mim, chegou. Mas ainda continuo na duvida.

Não gosto de sentir-me preso, como disse Andrea Destefani: liberdade é sinônimo de felicidade. Isso pesa muito nas minhas decisões. Não vou escolher uma area lucrativa se não gostar de faze-la. Não vou trabalhar por dinheiro, vou trabalhar por amor, prazer, pela liberdade em ser, e fazer alguém, feliz.

Gosto de pequenos animais, adoraria trabalhar em algo relacionado, mas tenho sentimentos por eles, não conseguiria colocar a razão na frente da emoção. Não conseguiria mandar um paciente embora se o proprietário não conseguisse pagar pelo tratamento, mas também não seria justo comigo, com meus cinco anos, sofridos, de faculdade. As pessoas passariam a aproveitar-se de mim. As pessoas sempre tentam nos derrubar atacando nossas fraquezas, aí eu volto ao inicio do texto, um dia, nossas fraquezas serão nossas maiores forças. Vamos ser forte? Querer e tentar ser, ja é o primeiro passo. Ninguém é o que é sem nunca ter desejado e tentado. Desejo ter iniciativa, que assim o seja. Duvidas, duvidas e mais duvidas. A vida é repleta delas.

Ir por um lado é necessariamente deixar de ir pelo outro. Cada escolha é uma possibilidade de recomeço, mas é também o abandono de outra possibilidade de recomeço. E isso não pode ser nunca motivo de tristeza... São escolhas.
Porque se a gente se enche de sentimento bom, não importa muito o que a sorte coloque em nosso caminho. Cedo ou tarde, a alegria que a gente sente nos conduzirá na direção do que era pra ser nosso "destino"... (Elenita Rodrigues)

Marcelo Soares

8 comentários:

  1. Gosto de pequenos animais, adoraria trabalhar em algo relacionado, mas tenho sentimentos por eles, não conseguiria colocar a razão na frente da emoção. Não conseguiria mandar um paciente embora se o proprietário não conseguisse pagar pelo tratamento, mas também não seria justo comigo, com meus cinco anos, sofridos, de faculdade.

    Lindo sua sensibilidade e tenho uma idéia. Nessas horas nao pense nos cinco anos de faculdade, pense apenas nos animais que vc conseguiu salvar. Cuide SIM meu anjo daqueles que nao puder pagar. Você será recompensado de algum forma...pode apostar.
    Bjkasssss e fiquei feliz em saber que seu coração é tamanho GGG

    ResponderExcluir
  2. Muito bom seu blog parabéns,estou te seguindo caso queira conhecer meu cantinho aki está
    http://mariahkely.blogspot.com/
    fique com DEUS :) !

    ResponderExcluir
  3. Tenho fé em algumas pessoas e em seus dons. Vc é uma delas, tenho certeza que teu coração não esconde isso.Seu amor lhe deu asas....

    ResponderExcluir
  4. Nem me fale em escolhas de fim de curso. Dá um desespero só. Mas não adianta em nada achar que o mundo vai acabar. Ao contrário, só está começando. E nada vida, todo tempo é tempo de mudar e se arrepender. Escolheu errado? Volta atrás, vai a procura de outra coisa. O importante é se sentir a satisfeito, sentir a felicidade plena.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Passei por isso ao final da minha faculdade, mas o afinal escolhei um dos caminhos, não sei se ele durará muito, mas eu tracei objetivos, agora é fazer deles a atual verdade.

    Abraços do Bravo.

    ResponderExcluir
  6. Imagino a tua situação, de dúvidas e tal, nessa hora se fosse comigo já estaria pirando aos poucos. Não sei se é o signo, mas sou muito indecisa. Mas como disse, a vida é cheia delas, as dúvidas. Ótimo texto!

    ResponderExcluir
  7. Oie!
    Gostei do teu espacinho ein!
    to seguindo tá?
    segue? ^^

    :***

    ResponderExcluir
  8. Decisões. Ações. Vontades. Certo. Errado. Tudo isso com um pouquinho (ou muito) medo. Isso se resume em: crescer.
    Tarefa difícil, né?

    Gosto muito do seu blog. Sua sensibilidade é incrível mesmo.

    ResponderExcluir